12 JUL 2018 | Sessão de lançamento do Nº2 da Mundo Crítico - Revista de Cooperação e Desenvolvimento

A sessão de lançamento do nº 2 da Mundo Crítico - Revista de Cooperação e Desenvolvimento terá lugar quinta-feira, dia 12 de julho, às 17h, na Galeria ZdB (Bairro Alto). São convidados José Brito, antigo ministro dos negócios estrangeiros de Cabo-Verde, Rui Santos, vice-presidente da CESO, e Ana Paula Fernandes, directora da unidade de inovação da OCDE, com moderação da jornalista Cândida Pinto. A Mundo Crítico resulta de uma iniciativa conjunta entre o CEsA - Centro de Estudos sobre África, Ásia e América-Latina e ACEP - Associação para a Cooperação entre os Povos.

 

12-13 JUL 2018 | Workshop em Estudos de Desenvolvimento no ISEG

Ao longo dos dias 12 e 13 de julho decorre no ISEG - Instituto Superior de Economia e Gestão, da Universidade de Lisboa, a discussão pública dos temas doutorais dos/as estudantes de Estudos de Desenvolvimento. A entrada é livre.

_programa

 

5 JUL 2018, 18h30 | Lançamento do Livro "A Faixa e a Rota Chinesa: A Convergência entre Terra e Mar" de Paulo Duarte

O Centro Científico Cultural de Macau e o Instituto Internacional de Macau convidam para o lançamento em Lisboa do livro "A Faixa e a Rota Chinesa: A convergência entre Terra e Mar", de Paulo Duarte, doutorado em Ciências Políticas e Sociais pela Universidade Católica de Lovaina e nosso investigador-colaborador especializado na temática da Nova Rota da Seda Chinesa. A sessão contará com a presença do autor e as apresentações da professora do ISEG Fernanda Ilhéu, também nossa investigadora, e do General Garcia Leandro.
O evento é aberto e terá lugar no Centro Científico Cultural de Macau, dia 5 de julho, pelas 18h30.

 

Novo número do Cahiers d'Études Africaines dedicado à fotografia como instrumento tanto de controlo como de emancipação

Através de seus usos coloniais, a fotografia representou em África um instrumento científico, de controlo de populações e identidades, faltando perceber o uso que hoje é feito da fotografia enquanto acto de protesto, resistência e emancipação. Este número relata a extraordinária maleabilidade dos materiais fotográficos, abordando inclusivamente a sua função em contexto digital. Cahiers d'Études Africaines mostra as tendências em pesquisa, teórica e de campo, e as discussões suscitadas por essas investigações. Embora seja interdisciplinar, a revista favorece uma abordagem antropológica e histórica. É uma publicação com tiragem trimestral, com incidência na área de ciências sociais em África, Caraíbas e América Negra. 

_ler +