O Comité Português “A Rota do Escravo” produziu um conjunto de exposições itinerantes, suportadas por catálogos, que visam promover junto de públicos diversificados (Escolas, Universidades, Bibliotecas, Centros Culturais, Associações, nacionais e estrangeiras) o conhecimento das problemáticas da Escravatura e do Tráfico de Escravos no mundo.

Os Africanos em Portugal : História e Memória Séculos XV – XXI

8

Isabel Castro Henriques, Os Africanos em Portugal: História e Memória – Séculos XV-XXI, Lisboa, Comité Português do Projecto UNESCO A Rota do Escravo, 2011, 79 páginas.

 

Lugares de Memória da Escravatura e do Tráfico Negreiro  Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe

9

Isabel Castro Henriques (coord.), Lugares de Memória da Escravatura e do Tráfico Negreiro  Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe, Lisboa, Comité Português do Projecto UNESCO A Rota do Escravo, 2013 2a edição, 49 páginas. 1ª edição: 2001.

 

Espaços e Cidades em Moçambique

m

Isabel Castro HenriquesEspaços e Cidades em Moçambique, Lisboa, CNCDP, 1998, 49 páginas.

 

Estas exposições podem ser requisitadas gratuitamente

Enviar  formulário para o Comité Português /CEsA

enviado para o Comité Português/ CEsA.